7 dicas para uma mudança mais rápida e fácil

Mudar não é fácil e geralmente não sabemos por onde começar. Respire fundo e siga essas etapas para tornar sua mudança mais simples.

Antes de entrar na nova casa:

1. Pinte antes de se mudar. Se você decidiu pintar o seu novo espaço, não demore: faça isso antes de colocar todas as suas coisas. A razão mais óbvia é que é muito mais fácil pintar uma casa vazia do que cheia de móveis. Outro motivo importante para isso é a satisfação de eliminar esta tarefa o mais rápido possível da lista. Além disso, se houver outras tarefas que incluem reforma (mudar de piso, por exemplo), tente realizá-las antes de se mudar. Você economizará tempo, inconveniência aos habitantes da casa e cansaço. 

2. Informe-se antes de contratar os serviços para sua nova casa. Dependendo de onde sua futura residência está localizada, haverá mais ou menos opções para prestadores de serviços, como linha telefônica ou internet. Se você tem várias opções, reserve o tempo que precisar para se informar bem antes de contratar o serviço, pois é possível que a empresa que prestou um serviço tão bom em sua antiga residência não tenha a melhor infraestrutura em sua nova região.

Já na nova casa:

3. Coloque "comprar plantas" no topo da sua lista de tarefas pendentes. Pode parecer bobagem, mas quando você enche uma casa com plantas, a ideia de começar do zero no novo lar fica menos deprimente. Se não puder levar as plantas da antiga casa, pelo menos guarde seus vasos preferidos, algo que fará com que a escolha das plantas para o seu novo espaço seja muito mais fácil, barata e agradável.

Uma vez em sua nova casa, pode parecer lógico adiar a compra de novas plantas com a bagunça que você precisa organizar, mas é aconselhável priorizar isso. Porque as plantas de interior limpam o ar, o que é ideal se você utilizou tintas ou instalou pisos com produtos químicos que exalam cheiro e deixam o ambiente carregado. Mas, acima de tudo, o mais importante é que as plantas vão fazer você se sentir em casa.

4. Conte com a necessidade de fazer novas compras. Cada casa tem suas particularidades e, com certeza, você vai precisar de algumas novidades. Por exemplo, talvez sua cozinha antiga tivesse uma ilha enorme com bastante espaço para preparar comida e até mesmo banquinhos para tomar café da manhã, mas a nova tem um grande espaço vazio bem no meio que grita por uma ilha portátil ou um escritório com mesa e cadeiras. Reservar um pouco de dinheiro para esse tipo de necessidade pode ajudá-lo a definir um orçamento realista e mantê-lo.

5. Jogue fora mais algumas coisas, mesmo depois de se mudar. Não importa o quão minuciosa foi a limpeza que você fez antes de embalar tudo. Às vezes, algumas das coisas que você decidiu trazer para a nova casa acabam não encaixando no novo espaço como você esperava. Tente não se frustrar. Venda, dê a um amigo ou, se você realmente tiver um carinho muito especial, guarde. Mas apenas se você tiver espaço para armazená-lo.

6. Encare: Crises em mudanças são normais. Mudar não é exatamente um mar de rosas e, muitas vezes, não é feito por prazer. Significa deixar amigos, família, escola e empregos para trás para começar uma aventura desconhecida. Embora a nova casa possa parecer incrível, crises emocionais e momentos de tristeza e estresse são uma reação totalmente natural a uma mudança tão grande em nossas vidas. Encontre algo divertido para fazer e explore sua nova cidade/vizinhança. Isso lhe dará forças para continuar! 

7. Finalmente, dê a si mesmo(a) um tempo para se acostumar com a nova vida. Liberar um pouco a sua agenda e dedicar um tempo a esse período de adaptação pode ser muito necessário, principalmente para famílias com crianças. Dê a si mesmo(a) uma, duas ou mais semanas para recuperar o fôlego.

Com essas dicas, agora você está pronto(a) para mudar e essa nova experiência promete ser incrível, conte com a gente! Levamos seus pertences com total segurança ao novo destino.